(021) 2431-3403    |    contato@visionrio.com.br    |   

Por que os brasileiros não frequentam o oftalmologista?

Há quem diga que a visão é um dos principais sentidos do corpo humano. No entanto, um em cada três brasileiros adultos nunca foi ao oftalmologista – mais precisamente, 34% da população – sendo o acesso ainda menor entre os que possuem renda mais baixa. 

Os resultados preocupam, já que 28% afirmou sofrer de alguma doença ocular e 61% conhece alguém nesta situação. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, as principais doenças oftalmológicas estão relacionadas a distúrbios de refração – caracterizados por problemas no cristalino (lente do olho) e na córnea (camada que envolve o globo ocular). Entre as mais comuns estão miopia, astigmatismo, presbiopia, hipermetropia e catarata.

A visita ao especialista, pelo menos uma vez por ano, ajuda a prevenir doenças graves, que podem até levar à cegueira. A saúde dos olhos precisa fazer parte da rotina de exames preventivos, pois, em 80% dos casos, os problemas de visão podem ser evitados. O Glaucoma, por exemplo, é uma alteração na pressão ocular que pode causar cegueira irreversível – afeta 2 milhões de pessoas no Brasil. Fazer o diagnóstico precoce ajuda a frear a evolução da doença, que merece mais atenção de pessoas hipertensas e diabéticas, predispostas ao problema.

Outras doenças oculares que levam à cegueira total ou parcial são a degeneração macular e a retinopatia diabética. Na oftalmologia, há doenças perfeitamente tratáveis e outras que, em estágio avançado, podem comprometer a qualidade de vida definitivamente. Mesmo quem não tem, aparentemente, nenhum incômodo na visão deve passar pelo oftalmologista para medir a pressão intraocular e fazer o Exame de Fundo de Olho. A partir dos 40 anos, as visitas devem ser anuais.

Mas a realidade é bem diferente. As consultas ao especialista só acontecem quando há uma clara necessidade de avaliar o uso de óculos ou diante de algum incômodo na visão. Não dá para negligenciar a saúde dos olhos. Consultar o oftalmologista é fundamental em qualquer faixa etária, da infância à vida adulta, pelo menos uma vez por ano. O principal sentido do corpo humano merece essa atenção.

Fonte: Medical Site